Al khoutouba

Como em todas as outras regiões do Reino, o casamento nas províncias sarianas é marcado por hábitos e tradições ancestrais.

Quando um jovem saraui decide casar, este informa em primeiro lugar a sua mãe que, por sua vez, informa o chefe da família. Porque na tradição saraui, é inconcebível que um jovem informe directamente o seu pai das suas intenções de casamento. O chefe de família saraui deve ter conhecimento deste tipo de notícia quer pela mãe quer por um membro muito próximo da família. 

Em seguida, as famílias dos noivos reúnem-se para ler colectivamente a surata Al Fatiha (primeiro capítulo do Alcorão) e para fixar a data da festa do casamento. Esta reunião é geralmente seguida de um banquete previsto para este acontecimento  e conta com a presença dos  sábios das duas famílias e dos notáveis da tribo.

A escolha da futura esposa depende tradicionalmente do consentimento de certos membros da família do noivo. Frequentemente, a escolha faz-se de acordo com os critérios tribais,  tendo em conta o papel essencial desempenhado pelo casamento no reforço das relações entre as famílias e a sua tribo.



    
Copyright 2006-2019 © CORCAS